Policial militar é preso suspeito de matar mototaxista a tiros após discussão em Teresina

20/07/2021 07h00


Fonte G1

 
Imagem: ReproduçãoClique para ampliarDe acordo com o Barêtta, a polícia tinha a informação de que o suspeito do crime tratava-se de um mototaxista clandestino, mas não sabia quem era a pessoa. Somente durante a invest(Imagem:Reprodução)

A Polícia Civil prendeu nesta segunda-feira (19) o policial militar reformado Raimundo Alves da Costa, suspeito de matar com quatro tiros o mototaxista Antônio de Sousa Rocha, de 78 anos, na Avenida Maranhão, Centro de Teresina. O crime ocorreu no dia 10 de julho.

O Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) cumpriu o mandado de prisão contra o policial militar em sua casa, no bairro Mocambinho, Zona Norte de Teresina, por volta das 11h.

Segundo o coordenador do DHPP, delegado Francisco Costa, o Barêtta, o policial militar confessou o crime. Em depoimento, o suspeito informou que o mototaxista desde 2001, que os dois trabalhavam juntos, mas depois a vítima se regularizou como mototaxi e ele não.

"A partir daí começou uma desavença entre os dois por causa de corrida, segundo o policial. No dia do crime, o suspeito disse que ficou no ponto do mototaxista e o mesmo quando chegou, começou a xingar ele. Os dois travaram uma luta corporal, o mototaxista pegou um pedaço de madeira e deu uma paulada na cabeça dele, mas o policial sacou a arma e atirou quatro vezes contra a vítima. Depois disso, o PM diz não lembrar de nada", revelou o delegado.

De acordo com o Barêtta, a polícia tinha a informação de que o suspeito do crime tratava-se de um mototaxista clandestino, mas não sabia quem era a pessoa. Somente durante a investigação, o DHPP confirmou que o homem era um policial militar.

O delegado encaminhou um ofício à Corregedoria da Polícia Militar do Piauí e o policial encontra-se preso no presídio militar.


Para ler mais notícias do FlorianoNews, clique em florianonews.com/noticias. Siga também o FlorianoNews no Twitter e no Facebook

Tópicos: crime, suspeito, mototaxista