Agentes da Strans são ameaçados por condutores e rodam com escolta

23/09/2014 08h34


Fonte G1 PI

Imagem: G1 PIClique para ampliarPoliciais estão acompanhando os agentes nas viaturas para evitar agressões.(Imagem:G1 PI)Policiais estão acompanhando os agentes nas viaturas para evitar agressões.

Um homem ameaçou um agente da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) porque recebeu uma multa ao parar em fila dupla no Aeroporto de Teresina, na Zona Norte. Com receio das recorrentes agressões verbais e ameaças, os agentes da Strans estão trabalhando com escolta policial para evitar situações mais graves.

A mais recente agressão verbal foi gravada na semana passada, mas somente nesta segunda-feira (22) foi divulgada. No vídeo, o homem disse ao profissional de trânsito: “tu vai ver o que é que vai acontecer contigo, safado. Propineiro safado”. Depois do ocorrido, o agente, que prefere não se identificar com receio de represálias, registrou um Boletim de Ocorrência na Delegacia Civil por causa das ameaças.

“Já tem uma audiência marcada. Vou tomar todas as medidas cabíveis em relação aos danos civis e penais”,
declarou o agente. Anterior a esse caso, o agente de trânsito Raimundo Nonato comentou que outro agente também foi agredido por um motorista no Aeroporto porque foi multado ao estacionar em local proibido.

Acompanhamento Policial


Em Teresina são 148 agentes de trânsito e por conta da recorrência dos casos de agressão verbal, a Strans a solicitar ajuda policial. As viaturas que rodam principalmente no Centro de Teresina agora estão acompanhadas por policiais militares.

Durante a gravação da reportagem pela equipe do PI TV 1ªEdição, um homem, que não informou o nome, foi reclamar da multa recebida no setor onde os agentes se reúnem. “Eu recebi duas multas na mesma data, no mesmo horário com diferença de cinco minutos. Eles disseram que eu estava fone de ouvido, o que não existiu. Eles chamaram a polícia porque acharam que eu estava alterado. Eu estava normal. Eu me retirei, fazer o quê, eles que mandam”, disse o motorista.

Para o superintendente de Operações de Trânsito Denis Lima “esse tipo de conduta é inadequada para qualquer pessoa que queira protestar, seja por qualquer ato administrativo”, declarou.

Confira as últimas notícias sobre Teresina: florianonews.com/teresina
Siga @florianonews e curta o FlorianoNews

Tópicos: teresina, trânsito, agente