Suspeito teria dito que tiro contra estudante de medicina em Teresina foi "efeito colateral"

14/02/2023 10h23


Fonte G1 PI

Imagem: ReproduçãoPresos suspeitos de envolvimento na morte de estudante de medicina em Teresina.(Imagem:Reprodução)Presos suspeitos de envolvimento na morte de estudante de medicina em Teresina.

O suspeito de atirar e matar a estudante de medicina Flávia Wanzeler, 23 anos, teria dito, rindo, logo após atirar contra a jovem, que o disparo foi um efeito colateral. A descrição foi feita pelo coordenador do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), delegado Francisco Costa, o Barêtta, logo após ouvir os depoimentos dos três suspeitos presos pelo crime.

"As condutas já estão devidamente individualizadas, Biel e Ceará fizeram a abordagem, Biel fez o disparo. O Ceará disse que questionou porque ele efetuou o disparo e ele disse apenas que era efeito colateral e começou a sorrir. Isso foi logo depois que a vítima [namorado da estudante] acionou a ré, e bateu no portão, porque tentou se desvencilhar. Foi quando Biel se aproximou e disparou",
disse o delegado.

O homem conhecido como Biel foi identificado como Francisco Emanoel. Ele foi localizado em Caxias, no Maranhão. No bairro Morada do Sol, Zona Leste de Teresina, foram encontrados mais dois suspeitos. Um deles é conhecido apenas como Ceará e o outro como Macapá, de iniciais A.C.B.S., natural do Pará.

Segundo o delegado Barêtta, os três estavam em um veículo que havia sido roubado cerca de 15 dias antes e abordaram as vítimas no cruzamento da Avenida Homero Castelo Branco com Rua Alecrim, na Zona Leste de Teresina.

Os três estão presos e foram autuados em flagrante conforme sua participação individualizada no crime. Foi pedida a prisão preventiva e os três irão passar por audiência de custódia. A polícia tem 10 dias, a contar do dia seguinte ao crime, segunda (13), para concluir o inquérito do caso e remeter a investigação e laudos periciais à Justiça.

Diversas prisões anteriores

O coordenador do DHPP lamentou, a respeito do caso, principalmente que os envolvidos no crime já tinham passagens pela polícia por diversos crimes, mas estavam soltos. O suspeito de atirar contra Flávia, segundo Barêtta, já tem passagens por homicídio, tráfico e roubo.

Francisco Emanoel foi solto do sistema prisional do Piauí no dia 16 de janeiro deste ano. No dia 5 de janeiro de 2020, Biel foi apontado como autor de um roubo, tendo como vítima um entregador.

Ele foi preso em maio de 2020 e, em novembro de 2021, foi condenado a 8 anos, 10 meses e 20 dias de prisão em regime semiaberto, ganhando o direito de recorrer em liberdade.

Segundo a polícia, Francisco Emanoel é apontado como autor de um homicídio que, possivelmente, tem relação com disputa de gangues.

Ele foi preso preventivamente em março em 2022, porém foi inocentado, a pedido do Ministério Público, sob a alegação de legítima defesa em junho de 2022.

Outros três homens já haviam sido presos e um adolescente de 17 anos apreendido suspeitos de envolvimento no crime. O coordenador do DHPP, delegado Francisco Costa, o Barêtta, informou que já existia uma linha de investigação para o caso.

A jovem foi assassinada com um tiro no tórax durante uma tentativa de assalto ocorrida no domingo (12) na Avenida Homero Castelo Branco, Zona Leste de Teresina.

Confira as últimas notícias sobre Teresina: florianonews.com/teresina
Siga @florianonews e curta o FlorianoNews

Tópicos: presos, crime, suspeitos