Saiba o que funciona no Piauí após novo decreto de isolamento; multa para quem não usar máscara

26/06/2020 10h03


Fonte G1 PI

Imagem: Murilo Lucena/TV ClubeComércio de Teresina deve permanecer fechado.(Imagem:Murilo Lucena/TV Clube)Comércio de Teresina deve permanecer fechado.

Em novo decreto, o governador Wellington Dias (PT) anunciou medidas mais rígidas de combate ao coronavírus, que serão adotadas a partir desta sexta-feira (26), sábado (27) e domingo (28). Segundo o governo, as restrições irão possibilitar a reabertura das atividades econômicas, a partir do dia 6 de julho.

Entre as novas medidas adotadas estão: o fechamento parcial das atividades, multa de até R$ 1 mil para quem não usar máscara em locais públicos, restrição do funcionamento de serviços essenciais, ponto facultativo nos órgãos públicos estaduais e a mesma recomendação para os municípios.

Conforme o decreto, os supermercados fecham no domingo, 28 de junho, e o transporte intermunicipal está proibido de sábado até domingo. No fim de semana, fica proibido as aglomerações ou consumo de bebidas em locais públicos.
Imagem: Murilo Lucena/TV ClubeBarreiras em Teresina fazem busca ativa por casos suspeitos de Covid-19.(Imagem:Murilo Lucena/TV Clube)Barreiras em Teresina fazem busca ativa por casos suspeitos de Covid-19.

O que permanece:
  • Funcionamento dos serviço essenciais;
  • Setor automotivo, construção civil e serviços de saúde com os protocolos de saúde aprovados;
  • Controle de fluxo de pessoas nas divisas do estado com realização de fiscalização e barreiras;
  • Uso obrigatório de máscaras.
Na sexta e no sábado, ficam garantidos o funcionamento de:
  • Farmácias, drogarias e serviços de saúde
  • Mercados, supermercados, panificadoras e padarias
  • Postos de combustível e borracharias
  • Serviços de delivery
  • Segurança e vigilância
  • Pontos de alimentação localizados às margens de rodovias
  • Serviços de transportes de cargas
  • Serviços bancários exclusivos para pagamento de auxílio emergencial, benefícios sociais e autoatendimento
  • Atividades agrícolas e agroindustriais
  • Atividades de obras de infraestrutura de transportes e para a produção de energia realizadas em parques situados na zona rural
  • Casas lotéricas
  • Concessionárias de veículos, exclusivamente o setor de oficina, para serviços de manutenção e conserto de veículos
  • Estabelecimentos que funcionem operando fornos, em turnos ininterruptos de 24 horas
No domingo, funcionam apenas:
  • Panificadoras e padarias
  • Farmácias, drogarias e serviços de saúde
  • Imprensa
  • Serviços de segurança e vigilância
  • Serviços de delivery exclusivamente para alimentação e serviços de autoatendimento bancário
  • Borracharias, postos de combustíveis, pontos de alimentação localizados às margens de rodovias, inclusive nos trechos urbanos, serviços de transporte de cargas e atividades agrícolas e agroindustriais
  • Estabelecimentos que funcionem operando fornos, em turnos ininterruptos de 24 horas
Os serviços públicos tais como energia elétrica, saneamento básico, funerários, segurança pública, telecomunicações e radiodifusão, deverão funcionar entre os dias 27 e 28 de junho respeitando as determinações sanitárias expedidas para a contenção do novo coronavírus, inclusive quanto aos atendimentos emergenciais.

A fiscalização das medidas determinadas no decreto será exercida pela Vigilância Sanitária Estadual, vinculado com os serviços de Vigilância Sanitária Federal e municipais, e com o apoio da Polícia Militar e da Polícia Civil e da Secretaria de Transportes. Os órgãos envolvidos na fiscalização das medidas sanitárias deverão solicitar a colaboração da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária Federal e da Guarda Municipal de Teresina.
 

Tópicos: decreto, medidas, atividades