Xavi é impedido de viajar com o Barcelona para os Estados Unidos; entenda o motivo

17/07/2022 12h45


Fonte Globo esporte

Imagem: ReproduçãoO primeiro amistoso nos Estados Unidos acontece na próxima terça-feira, contra o Inter Miami. Depois, outros três estão marcados no país, contra Real Madrid (dia 24), Juventus (dia(Imagem:Reprodução)
 O Barcelona embarcou para o período de pré-temporada nos Estados Unidos sem seu técnico. Xavi chegou ao aeroporto junto com o restante da delegação, mas foi impedido de viajar por questões burocráticas. Isso porque esteve no Irã anos atrás.

Explica-se: cidadãos europeus, que normalmente não necessitam de visto para pisar em solo norte-americano, precisam obter uma autorização especial caso tenham pisado no país asiático desde 2011 - a medida é válida também para Iraque, Síria e Sudão.

Ainda como jogador, Xavi defendeu o Al-Sadd, do Catar, e esteve no Irã em cinco oportunidades pela Liga dos Campeões da Ásia. A última delas aconteceu no dia 20 de maio de 2019, seu último jogo como profissional, contra o Persepolis, em Teerã, capital iraniana.

De acordo com informações do jornal espanhol Mundo Deportivo, o Barcelona acreditava estar tudo em ordem, mas descobriu que o espanhol de 42 anos não havia recebido a autorização especial. O clube trabalha para resolver as questões a partir de segunda-feira.

A delegação do clube catalão embarcou com a presença dos reforços Raphinha, Kessié e Christensen, mas ainda sem Lewandowski. Ficaram fora da viagem Neto, Umtiti, Mingueza, Riqui Puig e Braithwaite.

O primeiro amistoso nos Estados Unidos acontece na próxima terça-feira, contra o Inter Miami. Depois, outros três estão marcados no país, contra Real Madrid (dia 24), Juventus (dia 26) e RB New York (dia 30).

No dia 7 de agosto, o Barcelona enfrenta o Pumas, do México, pelo Troféu Joan Gamper, tradicional amistoso antes do início da temporada. A estreia oficial em 2022/23 será contra o Rayo Vallecano, dia 13, pelo Campeonato Espanhol.

Veja mais notícias sobre Esportes, clique em florianonews.com/esportes

Tópicos: eua, barcelona, espanhol