Estádio do Flamengo: Paes promete desapropriar terreno se Caixa não vender

27/05/2024 22h54


Fonte O Globo

Imagem: Prefeitura do Rio/CdurpProjeto de estádio do Flamengo no Gasômetro, na região do Centro do Rio.(Imagem:Prefeitura do Rio/Cdurp)Projeto de estádio do Flamengo no Gasômetro, na região do Centro do Rio.

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, prometeu desapropriar o terreno do Gasômetro, visto pelo Flamengo como o ideal para a construção de seu novo estádio, caso a Caixa não aceite vende-lo ao clube. A fala ocorreu durante uma reunião entre servidores públicos e membros da diretoria rubro-negra, que foi realizada na noite desta segunda-feira, em um restaurante na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade.

Durante o discurso feito no jantar, Paes relatou que perdoou uma dívida da Caixa com a prefeitura do Rio de R$4 bilhões, no ano passado. Ele ainda disse ao presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, estar provocando para que a mensagem chegasse aos representantes do banco.

O prefeito da capital fluminense relatou que caso a Caixa se recuse a vender o local desejado pelo Flamengo, ele se trataria de um terreno privado. Eduardo Paes completa afirmando que "se tem um poder autoritário no Brasil, que pertence aos governos, é da desapropriação".

— Se a negociação não avançar, a prefeitura vai desapropriar a área para permitir que o Flamengo tenha seu estádio — afirmou o prefeito do Rio.

Segundo o deputado federal Pedro Paulo, a prefeitura do Rio de Janeiro e a Caixa Econômica, a empresa estatal se comprometeu, em reunião realizada na manhã desta segunda-feira, à dar um valor final pelo terreno na região do Gasômetro, em três dias.

O terreno, de 87 mil metros quadrados, pertencente a um fundo de investimentos gerido pela Caixa, e o acordo está dependendo da precificação da área. O Flamengo não queria gastar mais de R$ 250 milhões, e contou com ajuda da Prefeitura do Rio para destinar recursos para a operação.

Veja mais notícias sobre Esportes, clique em florianonews.com/esportes

Tópicos: prefeito, flamengo, est?dio