Cultura apoia a realização do projeto Balada Literária em Floriano

12/04/2019 08h50

Cultura apoia a realização do projeto Balada Literária em Floriano.
Em homenagem à grande personalidade da Educação e do campo das Ciências Humanas, Paulo Freire e à Élio Ferreira, grande literário e professor florianense, que traz em suas poesias a literatura afro-brasileira e a crítica política e social; foi realizada nesta quarta-feira (10) a 3ª edição da Balada Literária no Piauí e 14ª edição nacional.

"Nosso objetivo é celebrar a literatura sem frescura. Chega de solenidade, de discurso. A literatura precisa de vida. A Balada tira a literatura das estantes, dos ambientes fechados e põe na rua, nos cafés, ao lado do leitor de maneira totalmente gratuita", disse Marcelino Freire, professor, escritor e coordenador da Balada Literária.

A noite cultural contou com a mesa redonda “A leitura do mundo precede a leitura das palavras” ministrada por mestres e doutores de diversas áreas da educação, como as Ciências Sociais, Psicologia, Pedagogia e História de Floriano na Universidade Estadual de Floriano - Campus Dra. Josefina Demes, para uma plateia de professores e acadêmicos do município. Além de debates, exposição de livros e rodas de conversa sobre obras de escritores regionais. As atividades finalizaram com um show musical, com Matheus Lima e performance poética, de Élio Ferreira e poetas locais no Centro Cultural Maria Bonita.

Imagem: SECOMCultura apoia a realização do projeto Balada Literária em Floriano.(Imagem:SECOM)

A Secretaria de Cultura de Floriano forneceu o apoio logístico do evento, que foi realizado na UESPI em parceria com a Secretaria de Cultura do Estado e com a Secretaria de Educação de Floriano.

"Abraçar a balada literária é importante para o município por fomentar o conhecimento e apropriação da obra dos artistas locais regionais e nacionais. Era um desejo e necessidade da população que a Secretaria por meio desta parceria pode concretizar e dar fomento à cultura em forma de literatura em Floriano", afirmou Elineuza Ramos.

O circuito literário que envolve escritores nacionais e regionais, já percorreu as cidades de Oeiras, Floriano, Picos, Parnaíba e segue para Teresina, Salvador e São Paulo.


Em homenagem à grande personalidade da Educação e do campo das Ciências Humanas, Paulo Freire e à Élio Ferreira, grande literário e professor florianense, que traz em suas poesias a literatura afro-brasileira e a crítica política e social; foi realizada nesta quarta-feira (10) a 3ª edição da Balada Literária no Piauí e 14ª edição nacional.

"Nosso objetivo é celebrar a literatura sem frescura. Chega de solenidade, de discurso. A literatura precisa de vida. A Balada tira a literatura das estantes, dos ambientes fechados e põe na rua, nos cafés, ao lado do leitor de maneira totalmente gratuita", disse Marcelino Freire, professor, escritor e coordenador da Balada Literária.

A noite cultural contou com a mesa redonda “A leitura do mundo precede a leitura das palavras” ministrada por mestres e doutores de diversas áreas da educação, como as Ciências Sociais, Psicologia, Pedagogia e História de Floriano na Universidade Estadual de Floriano - Campus Dra. Josefina Demes, para uma plateia de professores e acadêmicos do município. Além de debates, exposição de livros e rodas de conversa sobre obras de escritores regionais. As atividades finalizaram com um show musical, com Matheus Lima e performance poética, de Élio Ferreira e poetas locais no Centro Cultural Maria Bonita.

Imagem: SECOMCultura apoia a realização do projeto Balada Literária em Floriano.(Imagem:SECOM)

A Secretaria de Cultura de Floriano forneceu o apoio logístico do evento, que foi realizado na UESPI em parceria com a Secretaria de Cultura do Estado e com a Secretaria de Educação de Floriano.

"Abraçar a balada literária é importante para o município por fomentar o conhecimento e apropriação da obra dos artistas locais regionais e nacionais. Era um desejo e necessidade da população que a Secretaria por meio desta parceria pode concretizar e dar fomento à cultura em forma de literatura em Floriano", afirmou Elineuza Ramos.

O circuito literário que envolve escritores nacionais e regionais, já percorreu as cidades de Oeiras, Floriano, Picos, Parnaíba e segue para Teresina, Salvador e São Paulo.



Fonte SECOM

Para ler mais notícias do FlorianoNews, clique em florianonews.com/noticias. Siga também o FlorianoNews no Twitter e no Facebook

Tópicos: floriano, balada, literatura