Rashid encarna samurai em álbum inspirado pela cultura oriental e gravado com adesões de BK e Linike

18/11/2022 14h59


Fonte G1

Imagem: DivulgaçãoClique para ampliarRashid aparece caracterizado como o personagem Samurai(Imagem:Divulgação)Rashid aparece caracterizado como o personagem Samurai

Rashid lança o quarto álbum, Movimento rápido dos olhos – MRO, 14 anos após ter iniciado carreira fonográfica com a gravação da música Quando eu morrer (2008), parceria do rapper paulistano com Apolo.

Caracterizado por Rashid como disco-áudio-filme, Movimento rápido dos olhos é o quarto álbum de estúdio do artista, sucedendo A coragem da luz (2016), Crise (2018) e Tão real (2020) em discografia que inclui as mixtapes Dádiva e dívida (2011), Que assim seja (2012) e Confundindo sábios (2013).

Em rotação desde 10 de novembro, o álbum MRO foi feito com inspiração na cultura oriental, sob direção musical do próprio Rashid. As músicas pavimentam narrativa pautada pelo processo de autodescoberta de Samurai, protagonista da história desse disco conceitual em que o rapper põe em cena, ao longo das 15 faixas, personagens como Proceder, Oráculo, Davila e Patriarca.

À medida em que avançam essas 15 faixas, o disco apresenta participações de Amiri e Don L (na faixa Linha de frente), BK e Marissol Mwaba (na música Jogo sério), Curumin (na faixa Ao subir das letrinhas), Liniker (na música Ver em cores), Macedo Bellini (na faixa Deixai toda esperança) e Stefanie (na música Na entrada do céu).

Na capa e nas fotos promocionais do álbum Movimento rápido dos olhos, Rashid aparece caracterizado como o personagem Samurai em imagens clicadas por Ênio César.

Para ler mais notícias do FlorianoNews, clique em florianonews.com/noticias. Siga também o FlorianoNews no Twitter e no Facebook

Tópicos: movimento, m?sica, rashid