Gustavo Neiva reafirma o descaso do governo com hospitais públicos

23/04/2019 09h41

Gustavo Neiva reafirma o descaso do governo com hospitais públicos.
Imagem: AlepiClique para ampliarDeputado Gustavo Neiva (PSB)(Imagem:Alepi)Deputado Gustavo Neiva (PSB)

O deputado Gustavo Neiva (PSB) voltou criticar o descaso do governo com os hospitais regionais, citando como exemplo o falecimento do paciente Risomar Mendes de Carvalho, que morreu depois de esperar 13 dias para ser transferido do Hospital Tibério Nunes, em Floriano, para Teresina.

Em seu discurso, o deputado afirmou que o diretor do Hospital Tibério Nunes administra o estabelecimento pelo WhatsApp na internet, tornando ainda mais graves os problemas do hospital, onde os parentes dos pacientes chegam a levar ventilador e cadeira para os leitos.

Gustavo Neiva disse que outros hospitais regionais enfrentam as mesmas dificuldades e sugeriu que a Comissão de Saúde da Assembleia dê prioridade ao Hospital Tibério Nunes nas visitas que os deputados farão para constatar as irregularidades denunciadas.

Concluindo sua fala, o deputado rebateu as acusações feitas pela bancada do governo à sua pessoa, em outro pronunciamento, de que estaria pregando o pânico, o caos. Neiva citou as matérias divulgadas pela mídia, mostrando que a preocupação não é apenas sua. Para Gustavo Neiva, a repercussão do descaso só não é maior porque a maioria das famílias das vítimas não reage.


Imagem: AlepiClique para ampliarDeputado Gustavo Neiva (PSB)(Imagem:Alepi)Deputado Gustavo Neiva (PSB)

O deputado Gustavo Neiva (PSB) voltou criticar o descaso do governo com os hospitais regionais, citando como exemplo o falecimento do paciente Risomar Mendes de Carvalho, que morreu depois de esperar 13 dias para ser transferido do Hospital Tibério Nunes, em Floriano, para Teresina.

Em seu discurso, o deputado afirmou que o diretor do Hospital Tibério Nunes administra o estabelecimento pelo WhatsApp na internet, tornando ainda mais graves os problemas do hospital, onde os parentes dos pacientes chegam a levar ventilador e cadeira para os leitos.

Gustavo Neiva disse que outros hospitais regionais enfrentam as mesmas dificuldades e sugeriu que a Comissão de Saúde da Assembleia dê prioridade ao Hospital Tibério Nunes nas visitas que os deputados farão para constatar as irregularidades denunciadas.

Concluindo sua fala, o deputado rebateu as acusações feitas pela bancada do governo à sua pessoa, em outro pronunciamento, de que estaria pregando o pânico, o caos. Neiva citou as matérias divulgadas pela mídia, mostrando que a preocupação não é apenas sua. Para Gustavo Neiva, a repercussão do descaso só não é maior porque a maioria das famílias das vítimas não reage.



Fonte Alepi

Confira as últimas notícias sobre Política: florianonews.com/politica
Siga @florianonews e curta o FlorianoNews

Tópicos: hospital, deputado, gustavo