A festa é riverina com mais um título de campeão piauiense

14/04/2019 10h56

A festa é riverina com mais um título de campeão piauiense.
Imagem: Elziney SantosClique para ampliarA festa é riverina com mais um título de campeão piauiense.(Imagem:Elziney Santos)

O River entrou em campo no Albertão com uma bela vantagem sobre Altos na decisão do Campeonato Piauiense. A vitória em Altos por 3 x 2 deixou o tricolor bem à frente do seu adversário.

Vitória, empate e até mesmo perder por um gol de diferença eram preciosidades no momento de uma decisão. E ainda havia a considerar o fato de jogar em casa, apoiado por sua torcida.

E o River confirmou a sua condição de favorito, mesmo suportando bons momentos da equipe altoense nos primeiros minutos do jogo. O lateral esquerdo Wesley chegou a acertar o travessão da meta de Mondragon.

Aos 24 minutos, porém, Cris Maranhense aproveitou a cobrança de escanteio e fez 1 x 0, em lance de indecisão do goleiro Fernando Henrique. Aos 26 minutos Altos teve ótima oportunidade para empatar, mas o artilheiro Rafael Freitas esbarrou na saída precisa do goleiro Mondragon.

Aos 34 minutos foi a vez de Manoel também parar em Mondragon. Se Altos perdeu as oportunidades para empatar, do outro lado o meia Bismarck colocou a bola na rede altoense, fazendo River 2 x 0 aos 42 minutos, placar do primeiro tempo.

No segundo tempo o técnico Maurílio Silva fez uma mudança tática em sua equipe, escalando Éder Guerreiro(atacante) no lugar de lateral direito Ademir.

O objetivo era tornar o seu time mais ofensivo, mas logo aos 4 minutos Dos Santos foi expulso e acabou com as pretensões altoenses. O River tomou conta do jogo e aos 12 minutos o artilheiro Eduardo aproveitou excelente passe de Cris Maranhense e estabeleceu 3 x 0.

A defesa de Altos estava muíto adiantada na jogada, facilitando a penetração dos atacantes riverinos. Estava decidido o título piauiense de 2019. Altos não teria forças para marcar cinco gols e virar o placar.

A atuação do River foi muíto boa, bem a nível de uma campeão. Flávio Araújo conquistou mais um título na sua carreira e de maneira invicta. Comandou o time em 10 jogos sem nenhuma derrota.

E a torcida riverina fez a festa no Albertão. O goleiro Mondragon foi o maior destaque da equipe campeã, ao lado de Eduardo com 8 gols marcados.

Ficha técnica de River 3 x 0 Altos

Local - Estádio Governador Alberto Silva, o Albertão.

1º tempo - River 2 x 0, gols de Cris Maranhense aos 24 minutos e Bismarck aos 42.

2º tempo - River 1 x 0, gol de Eduardo aos 12 minutos.

Final - River 3 x 0 Altos

River - Mondragon; Carlos Henrique, Maceió, Audálio e Biro Biro; João Paulo (Juliano), Cris Maranhense, Gustavo Henrique e Bismarck (Jônatas); Eduardo (Rhuan Patrick) e Roney. Técnico - Flávio Araújo.

Altos - Fernando Henrique; Ademir(Éder Gurreiro), Caick, Renato Santos e Wesley; Anselmo (Sidney), Dos Santos, Jorginho e Humberto; Manoel e Rafael Freitas(Netinho). Técnico - Maurílio Silva.

Árbitro - Diego da Silva Castro; Assistentes - Márcio Iglésias e João Thyago Carvalho; 4º árbitro - Edimar da Silva Leite; Analista de campo - Rogério de Oliveira Braga.

Excelente atuação da arbitragem piauiense na decisão.

Expulsão - Dos Santos(Altos) aos 4 minutos do segundo tempo.

O River conquistou o 31º título de campeão piauiense com esta campanha:

Jogos disputados - 14, Vitórias - 09, Empates - 04; Derrotas - 01.

O ataque riverino marcou 23 gols; a defesa sofreu 05; saldo de gols - 18. Eduardo foi o artilheiro do time do Campeonato Piauiense com 8 gols e recebeu a Taça Rádio e Tv Cidade Verde.

O volante João Paulo foi escolhido por nossa equipe como a revelação da competição e também a recebeu a Taça Rádio e TV Cidade Verde.

O presidente Genivaldo Campelo está de parabéns pelo excelente trabalho realizado e especialmente pela conquista do título estadual.

Agora o tricolor terá uma temporada de 2020 com participações na Copa do Brasil, na Copa do Nordeste e mais uma vez na Série D do Campeonato Brasileiro.
Imagem: Elziney SantosClique para ampliarA festa é riverina com mais um título de campeão piauiense.(Imagem:Elziney Santos)

O River entrou em campo no Albertão com uma bela vantagem sobre Altos na decisão do Campeonato Piauiense. A vitória em Altos por 3 x 2 deixou o tricolor bem à frente do seu adversário.

Vitória, empate e até mesmo perder por um gol de diferença eram preciosidades no momento de uma decisão. E ainda havia a considerar o fato de jogar em casa, apoiado por sua torcida.

E o River confirmou a sua condição de favorito, mesmo suportando bons momentos da equipe altoense nos primeiros minutos do jogo. O lateral esquerdo Wesley chegou a acertar o travessão da meta de Mondragon.

Aos 24 minutos, porém, Cris Maranhense aproveitou a cobrança de escanteio e fez 1 x 0, em lance de indecisão do goleiro Fernando Henrique. Aos 26 minutos Altos teve ótima oportunidade para empatar, mas o artilheiro Rafael Freitas esbarrou na saída precisa do goleiro Mondragon.

Aos 34 minutos foi a vez de Manoel também parar em Mondragon. Se Altos perdeu as oportunidades para empatar, do outro lado o meia Bismarck colocou a bola na rede altoense, fazendo River 2 x 0 aos 42 minutos, placar do primeiro tempo.

No segundo tempo o técnico Maurílio Silva fez uma mudança tática em sua equipe, escalando Éder Guerreiro(atacante) no lugar de lateral direito Ademir.

O objetivo era tornar o seu time mais ofensivo, mas logo aos 4 minutos Dos Santos foi expulso e acabou com as pretensões altoenses. O River tomou conta do jogo e aos 12 minutos o artilheiro Eduardo aproveitou excelente passe de Cris Maranhense e estabeleceu 3 x 0.

A defesa de Altos estava muíto adiantada na jogada, facilitando a penetração dos atacantes riverinos. Estava decidido o título piauiense de 2019. Altos não teria forças para marcar cinco gols e virar o placar.

A atuação do River foi muíto boa, bem a nível de uma campeão. Flávio Araújo conquistou mais um título na sua carreira e de maneira invicta. Comandou o time em 10 jogos sem nenhuma derrota.

E a torcida riverina fez a festa no Albertão. O goleiro Mondragon foi o maior destaque da equipe campeã, ao lado de Eduardo com 8 gols marcados.

Ficha técnica de River 3 x 0 Altos

Local - Estádio Governador Alberto Silva, o Albertão.

1º tempo - River 2 x 0, gols de Cris Maranhense aos 24 minutos e Bismarck aos 42.

2º tempo - River 1 x 0, gol de Eduardo aos 12 minutos.

Final - River 3 x 0 Altos

River - Mondragon; Carlos Henrique, Maceió, Audálio e Biro Biro; João Paulo (Juliano), Cris Maranhense, Gustavo Henrique e Bismarck (Jônatas); Eduardo (Rhuan Patrick) e Roney. Técnico - Flávio Araújo.

Altos - Fernando Henrique; Ademir(Éder Gurreiro), Caick, Renato Santos e Wesley; Anselmo (Sidney), Dos Santos, Jorginho e Humberto; Manoel e Rafael Freitas(Netinho). Técnico - Maurílio Silva.

Árbitro - Diego da Silva Castro; Assistentes - Márcio Iglésias e João Thyago Carvalho; 4º árbitro - Edimar da Silva Leite; Analista de campo - Rogério de Oliveira Braga.

Excelente atuação da arbitragem piauiense na decisão.

Expulsão - Dos Santos(Altos) aos 4 minutos do segundo tempo.

O River conquistou o 31º título de campeão piauiense com esta campanha:

Jogos disputados - 14, Vitórias - 09, Empates - 04; Derrotas - 01.

O ataque riverino marcou 23 gols; a defesa sofreu 05; saldo de gols - 18. Eduardo foi o artilheiro do time do Campeonato Piauiense com 8 gols e recebeu a Taça Rádio e Tv Cidade Verde.

O volante João Paulo foi escolhido por nossa equipe como a revelação da competição e também a recebeu a Taça Rádio e TV Cidade Verde.

O presidente Genivaldo Campelo está de parabéns pelo excelente trabalho realizado e especialmente pela conquista do título estadual.

Agora o tricolor terá uma temporada de 2020 com participações na Copa do Brasil, na Copa do Nordeste e mais uma vez na Série D do Campeonato Brasileiro.

Fonte CidadeVerde.com

Tópicos: time, artilheiro, piauiense