Técnico do Fla põe extracampo como agravante na semi: "Torcida não sabe" - Notícias de Floriano - Floriano News

Técnico do Fla põe extracampo como agravante na semi: "Torcida não sabe"

Publicado 19 de março de 2017 às 10:14 hs


Faltavam 15 minutos para a bola rolar no jogo da semifinal do primeiro turno do Campeonato Piauiense quando os jogadores do Flamengo-PI começaram o aquecimento no gramado do estádio Lindolfo Monteiro. A demora se deu por conta de um contratempo: o ônibus que conduziu o time do hotel ao local da partida, neste sábado, não chegou na concentração no horário previsto. Daí para uma série de atropelos foi um pulo.

Imagem: Wilson Filho/ECFClique para ampliarMiltão ainda desconta para o Fla-PI, mas não evita eliminação para o Parnahyba.(Imagem:Wilson Filho/ECF)Miltão ainda desconta para o Fla-PI, mas não evita eliminação para o Parnahyba.

O episódio registrado minutos antes da derrota por 2 a 1 para o Parnahyba, que custou a eliminação rubro-negra no estadual, encabeçou a lista de reclamações do técnico Cícero Monteiro após a queda do clube. O Parnahyba encara na final o vencedor de Altos e River-PI.

- Os jogadores do Flamengo-PI são guerreiros pelos problemas que a gente tem passado. Hoje chegamos atrasados no jogo. Falta de comunicação. Tem muita coisa. No jogo lá em Parnaíba fui com um jogador da base que eu não sabia nem o nome. A torcida não sabe. Cobra com todo direito porque paga ingresso, mas a gente tenta contornar. No futebol, as coisas erradas não podem dar certo. Estamos pagando um preço muito alto. Decepcionamos a torcida, infelizmente perdemos mais uma para o Parnahyba e ficamos fora da decisão – lamentou o treinador na coletiva.

O Flamengo-PI se viu em apuros ainda no primeiro tempo quando Dunga cobrou falta direta, na entrada da área, e abriu o placar. Com um gol de cabeça, o zagueiro Miltão ainda conseguiu deixar o Leão vivo na luta por uma vaga na final, mas o Mais Querido sofreu outro duro golpe em mais uma jogada de bola parada diante do Parnahyba: Gilmar Bahia escora a bola alçada na área em cobrança de escanteio e dá a vitória ao clube azulino.

- Tomamos quatro gols com o Parnahyba de bola parada. É o que eu treino mais, bola defensiva e ofensiva. Tomamos os gols onde a gente não poderia errar. Não quer dizer que o adversário não tenha mérito – completou Cícero Monteiro.

O Flamengo-PI só retorna a campo no Campeonato Piauiense dia 29 de março, quando encara o 4 de Julho, na primeira rodada do returno do campeonato. A bola rola às 20h, no estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina.


Veja mais notícias sobre Local, clique em florianonews.com/esportes-local

Fonte Globoesporte.com

Tópicos:
Cajueiro Motos

AS MAIS

 

Farma Formula - Pós Pascoa